Pages

Banner 468 x 60px

 

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

No Canadá, garoto gay de 15 anos se suicida após sofrer bullying

1 comentários
O jovem Jamie Hubley, 15, e captura de tela com post deixado por ele em blog antes de se suicidar

Um garoto gay se matou aos 15 anos de idade no Canadá, na última sexta-feira (14/10).

O motivo do suicídio teria sido o bullying que o jovem vinha sofrendo por sua orientação sexual.


Jamie Hubley mantinha um diário na internet, em que relatava o preconceito que sofria e como isso o afetava. Ele se dizia um menino deprimido.

O pai do garoto comentou, ao site de notícias Huffington Post, a morte do filho. Ele disse esperar que a "tragédia ajude outras pessoas a impedirem a crueldade de continuar a acontecer".

Hubley deixou um texto publicado em seu blog antes de se matar. Leia trechos abaixo:

"Eu sou um acidente do amor. Bem, estou cansado da vida, na real. É tão difícil, sinto muito, eu não aguento mais (...) Ser triste é tão triste; Tem sido assim por muito tempo. Eu não suporto a escola, eu não suporto a Terra, eu não suporto a sociedade (...) Eu amo cantar e isso me ajudou muito (...) Sentirei saudades de vocês (...) Lembrem-se de mim como um unicórnio. Talvez na próxima vida eu volte como um esquilo voador. Eu voarei para longe."

Fonte: Uol

1 comentários:

Fabinho disse...

Cara, é de doer saber que isso aconteceu, e ainda num país que julgamos civilizado como o Canadá.

Se formos olhar a homofobia no Brasil, por comparação, que nível de sofrimento os gays, lésbicas e transgêneros não sofrem aqui, hein???

Uma vaia bem grande para gente estúpida como essa que ASSASSINOU o Jamie!!!

Postar um comentário